terça-feira, 26 de agosto de 2014

Livro que nunca me canso de reler "Vera Uma Jovem do Século XX"


Vera Uma Jovem do Século XX

Maria de Lurdes G. Martinho   Agência Portuguesa de Revistas

Hoje vou falar de um livro que me marcou bastante na minha adolescência, talvez aquele que mais gostei e mais vezes reli “Vera uma jovem, do século XX” de Maria de Lurdes G. Martinho editado pela Agência Portuguesa de Revistas  

Vera era uma rapariga igual a tantas outras do nosso século. A sociedade e as pessoas modificaram-na. Hoje em dia diríamos, as redes sociais mudaram-na, assim como mudaram o mundo.
Os valores humanos e a liberdade mudaram a nossa sociedade.
Vera foi uma vítima dos outros, era bonita e sabia-o. Quando se é bela, maravilhosa, deslumbrante, segura de si e confiante, tem-se na nossa maneira de ver, o "Mundo" aos nossos pés. Assim acontecia com Vera que brincava com o amor e ria dos problemas dos outros.
Só que nem tudo é um mar de rosas, e um dia o feitiço vira-se contra o feiticeiro.
Vera vivia numa aldeia perdida no interior, e era feliz. Mas, um dia veio viver para a grande cidade, desconhecida e tenebrosa, as pessoas eram diferentes dos amigos das brincadeiras da pequena aldeia.
Mas como era linda, brincou com o amor, até o dia em que conheceu Paulo.
Paulo foi o amor da vida de Vera, mas a sociedade faz julgamentos sobre as pessoas, e os "amigos" por vezes, sabem ser muito mauzinhos uns com os outros. Davam mais valor aos interesses materiais do que aos pessoais. Nessa altura ainda não havia computadores, internet, mas as pessoas eram egoístas e por vezes mesquinhas.

Na vida de Vera tudo mudou, enveredou por caminhos obscuros e perigosos. A sociedade iria complicar a vida a esta criatura.
Vera sentia-se pequenina neste grande Mundo. Nas grandes cidades, andamos todos ocupados com a nossa vida, o nosso dia-a-dia, e esquecemos dos outros que nos rodeiam. Vera só precisava de lhe dessem um pouco de atenção, não pedia mais nada.
Conseguirá Vera viver o seu grande amor?
Por vezes só damos valor ao que temos depois de o perder. 
Ao ler este livro verti muitas lágrimas, suspirei e afundei-me dentro dele.
Uma história encantadora, amarga e triste, uma narração que nos prende da primeira à última página, contada pela sua autora.
Se analisarmos a nossa sociedade, podemos concluir que os valores humanos estão-se esgotando, quando percebemos que o que outrora parecia certo, hoje é errado. Não dá para negar que muitos dos valores morais e princípios de ética, hoje estão em falta.

A última página do livro refere que esta história iria ter continuação. Nunca encontrei o segundo livro :( por pena minha.
A quem ler esta opinião e caso conheça o livro em questão “A Vera Morreu, Paulo” , pedia encarecidamente que me contactasse, pois adorava ler este livro.
Às editoras deixo uma questão: porque não reeditar estes dois livros?



























2 comentários:

  1. Boa noite,

    O meu nome é Vera, e este é também um dos livros que mais me marcou. Li-o cedo, ainda nos meus 8 anos, ao vê-lo perdido na estante dos meus pais, e reli ao longo da minha vida várias vezes. Ainda hoje me emociono ao ler a página 9 e 10, palavras tão verdadeiras.

    Por pouco não perdi este livro, a minha mãe julgou que era livro de deitar fora e foi parar ao lixo. Conseguiu recurperar a maior parte, mas das pág. 86 à 99 perdi o papel e ficou apenas a memória. O resto está guardado como se fosse ouro.

    Adoraria ter o livro completo, pois efetivamente marcou-me e em tempos tentei encontrar a autora ou tentar encontrar outra edição, mas não consegui. O 2º também nunca o encontrei.

    Um curiosidade... o meu namorado chama-se Paulo...

    Um abraço. Adorei encontrá-la :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá bom dia,
      Também foi o livro que mais me marcou na minha juventude. Adorei a história e na altura foi para mim uma lição de vida. Já o reli vezes sem conta.
      Obrigada por alguém ter a mesma opinião que eu.
      Beijinho e espero continuar a vê-la desse lado.
      Tenho também uma página no facebook que não sei se já conhece.
      https://www.facebook.com/marcasdeleitura

      Eliminar